Pular para o conteúdo principal

Contatos





Michelle Silveira da Silva
Palhaça Barrica
Chapecó - SC


Comentários

  1. Olá michele me chamo Tatiana e estou começando esta fantasitica vida de palhaça, sou a palhaça cintura fina, gostariamos de sabe se em Cuiabá não tem o grupo e como faço para partica eu e minha amiga. Somos um Grupo de animadora chamada Báu Mágico. Esta em nosso site e por favor me informe o que faço.
    http://cntdrdehistoria.blogpot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Michele tudo certinho? então trabalho num Grupo de teatro de rua no Acre - Rio Branco, e temos uns trabalhos de palhaços, junto comigo Marilua (Manguita) tem a Dani Mirini (Cacarecos), estamos começando agora a estudar e experimentar, o bom é ir pra rua!!! Gostei muito deste blog, é bom muito bom conhecer e trocar experiencias... temso um blog do grupo Vivarte: http://www.blogdovivarte.blogspot.com/ , fazemos tantos outros trabalhos sociais e em comunidades indigenas e ribeirinhas. haux haux (PAZ)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REVISTA PALHAÇARIA FEMININA 4a Edição a caminho!!!!!!

Olá amigas palhaças, 
é com muita alegria que venho informar que nosso projeto para a 4a. Edição da Revista Palhaçaria Feminina - Registros e Reflexões sobre a Palhaçaria feita por mulheres no Brasil, foi contemplado no EDITAL DE CONCURSO 032/2017 PARA FOMENTO E CIRCULAÇÃO DAS LINGUAGENS ARTÍSTICAS DO MUNICÍPIO DE CHAPECÓ.
Agora seguimos o processo de documentação e em breve iniciaremos a confecção da REVISTA! 
Agradeço de coração a todas as artistas, palhaças e equipe que me ajudaram no processo de escrita do Projeto. Agradeço a Sarah Monteath que me ajudou na escrita do Projeto de Pesquisa! 
Muito feliz com essa possibilidade de darmos continuidade a esse projeto tão importante para nós! 
Agradecida!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


A IMPORTÂNCIA DOS FESTIVAIS

Os encontros são importantes por serem encontros. Redundâncias de momentos únicos. Um encontro nunca é igual ao outro, por isso é um encontro.  Os festivais relembram-nos que não estamos sós e que podemos e devemos nos nutrir umas às outras. Não sei ao certo se hoje mais que nunca sermos mulheres, artistas e cidadãs é um ato de resistência, logo um posicionamento político.  E para desfazer eventuais mal-entendidos, um posicionamento político não é necessariamente um posicionamento partidário. Os partidos dividem-nos, partem-nos e urge tranquilizarmo-nos e olharmos com cooperação uns para os outros, umas para as outras. Aí está o fortalecimento.  O que nos une? O que nos toca a todos o coração? Bom, lá terei de cair num grande clichê o Amoooreeeeee!  Mas quem é esse Amor? É antes de tudo sermos seres plenos e falíveis, caminharmos com a dignidade da nossa vulnerabilidade. A vulnerabilidade é uma força e não uma fragilidade. Vulnerabilidade é prontidão para aceitar as circunstâncias e vicis…

Cadastramento de Palhaças Brasileiras

Queridas Palhaças que ainda não responderam as perguntas do cadastramento, por favor, se quiserem, aqui vai os tópicos:
estes dados vão para o blog e servirão para que possamos conhecer melhor todas vocês e mais...


Nome:
Data de nascimento:
Formação:
Nome de Palhaça:
Tempo em que é palhaça:
Cidade em que atua:
Estado em que atua:
Email:
Blog:
Site:


 E informações extras que você achar interessante.